Palocci se recusa a ir a pé e vai de avião pra Curitiba

paloccipreso

RIBEIRÃO PRETO – A fila anda nos trabalhos da Polícia Fenomenal (PF). Agora foi a vez do ex-ministro e socialista milionário Antônius Palocci ter que explicar umas coisas para a justiça. Na época do mensalão, Palocci foi denunciado de enriquecimento ilícito por multiplicar o patrimônio de 1 milhão para 20 milhões de reais com sua empresa de consultoria, em quatro anos. Ele era acusado de se utilizar de influência dentro da prefeitura de Campinas, onde foi prefeito.

Até aí tudo bem, quatro anos é tempo à beça, qualquer um faz 2o milhões. E todos sabem que o grande projeto de um socialista é o fim da miséria – a miséria dele, claro. Mas, agora foram encontradas as digitais do ex-ministro em transações do governo petista com a empreiteira Odeiobrecht.

Ministro da Justiça sugere que a sede do partido seja transferida para Curitiba:

– Temos que economizar, viagem de avião toda hora sai caro…

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s