Movimentos sociais querem o fatiamento de prédios públicos

patri

SÃO PAULO – Movimentos sociais financiados por facções de esquerda continuam em protesto nas capitais do país, depois que a ex-assaltante de bancos Dilma Ruimself foi afastada da presidência da República. Eles acham um absurdo o país continuar com o vício burguês de respeitar a Constituição Federal.

– Onde nós vamos parar? A Constituição do revolucionário é o Manifesto Comunista e não esse documento de 1988, quando o PT se recusou a assinar.

Os movimentos sociais querem aproveitar a ideia do fatiamento do impizzament, que serviu para livrar Dilma da cassação dos direitos.

– Queremos fatiar o patrimônio público em vários pedaços – disse o presidente da ONG Fora Constituição, Fed Family.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s