Dilma se esconde na pira olímpica e fica “pirada”

DILMAPIRADA

BRASÍLIA – Depois que assessores do Planalto informaram que um dia de revezamento da tocha olímpica custa R$ 4 milhões aos cofres públicos, a (ex) presidente Dilma Ruimself tentou se esconder dentro da pira olímpica (foto), mas não adiantou.

A ex-guerrilheira dos tempos do regime militar sente-se acuada pelo impeachment, que será inevitável. O eufemismo de “pedalada” não colou, mesmo com o marqueteiro João Sacana instruindo para que ela ande de bicicleta de manhã.

O próprio TCU recentemente declarou que a maquiagem chamada “criativa” é na verdade “destrutiva”. A irresponsabilidade fiscal detonou a economia do país e o sistema de saúde pública, que enfrenta epidemias do tempo do Faraó.

Ontem Dilma foi vista dentro da pira olímpica confirmando que ela é realmente uma presidente pirada.