Alunos da USP encenam peça de Bertold Odebrecht em apoio ao PT

USPLULA

SÃO PAULO – Alunos e professores da Universidade Soviética Proletária (USP) fizeram semana passada ato em apoio à roubalheira do governo cleptocrático que encostou no poder e não quer mais largar o osso.

Vários eventos aconteceram ao longo do dia. A ala mais radical ameaçou entrar em sala de aula e estudar, mas o comando do evento impediu a tempo a radicalização.

À noite, um grupo de teatro apresentou a peça “Mãe Dilma e seus filhos retardados”, do alemão comunista Bertold Odebrecht. O evento foi financiado pela Lei Roubanet.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s