Delcídio Pedro Collor Amaral de Mello entrega o jogo!

PEDROAMARAL

BRASÍLIA – O senador e ex-líder do governo no Senado Delcídio Amaral está cada vez mais parecido com o falecido irmão de Fernando Collor de Melo (foto) – Pedro Collor de Melo, quando em 1992, num raro gesto de hombridade, entregou o próprio irmão, que era presidente da República e teve que jogar a toalha num processo de impeachment.

Naquela época, PT & Cia gritavam nas ruas “Fora Collor!”. Lindbergh Farias era ainda um garoto iniciando sua carreira na política – e desde então nunca mais trabalhou de verdade batendo o ponto como um reles brasileiro mortal.

Naquela época, Lindbergh liderou os “cara-pintadas”, movimento que foi decisivo na destituição de Collor. Anos mais tarde, o cara-pintada se torna um cara-de-pau e reencontra Collor no Senado. Ambos se tornam grandes amigos de infância, Lula e Dilma passam a contar com elle em sua tropa de choque no Congresso.

Naquela época, a Veja denunciava Collor e era então a queridinha dos petistas: a revista era “sensacional”. Mas, hoje, a mesma denuncia uma quadrilha que deixa o governo de Collor no chinelo, mas é odiada pelo PT e chamada de “sensacionalista”.

Só resta à presidente Dilma levantar os punhos no ar e imitar o patético gesto de Collor (daquela época) conclamando aos brasileiros:

– Não me deixem só…!

Uma resposta para “Delcídio Pedro Collor Amaral de Mello entrega o jogo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s