Lulla não tem telefone celular, só o molecular: “Chame o moleque lá…”

LULAMOLECULAR

ATIBAIA – A descoberta de que o consultor de empreiteiras amigas Louis Ignorácio Brahma da Sílvia ganhou instalação de antena como presentinho da empresa Tchau trouxe à baila um fenômeno instigante: o ex-presidente e líder pobrinho da classe trabalhadora não possui celular. Assim, não pode ser processado pela antena presenteada.

Entretanto, o caseiro de um sítio vizinho disse que Brahma não tem celular, mas possui um “molecular”:

– Toda a vez que ele queria falar com uma empreiteira amiga, mandava chamar um moleque lá: “chame o molecular…” Aí vinha um moleque (foto) correndo para o atender.

A empresa Gamecorp, que pertence ao filho de Brahma – o Brahminha – se associou à telefônica e acumula prejuízo (em 2009, era de R$ 8,7 milhões). Mas, tudo não passa de coincidência.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s