Ministério da Justiça lança o programa “Mais Jihadistas”

jihad

BRASÍLIA – Depois de encomendar soldados cubanos disfarçados de médicos, o governo agora quer importar jihadistas ao país, a fim de trazerem mais progresso, especialmente no setor de produção nuclear. “Os terroristas merecem todo o nosso respeito” – disse a mensagem do Ministério, em sua página do Foicebook.

Dillma considera o Mais Jihadistas uma medida eficiente para ajudar a reduzir o déficit da Previdência:

– Infelizmente o Brasil tem muitos cristãos, e precisamos reduzir o número de aposentadorias e pensões…

Na coletiva de imprensa, a presidente foi questionada sobre o ritual sagrado jihadista de cortar cabeça de cristãos, em nome de Deus, e respondeu:

– Numa hora dessas, não se pode perder a cabeça.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s