Crise de refugiados do PT: partidos fecham as fronteiras

refugpt

Com o PT abaixo do volume morto e envolvido em escândalos nunca antes vistos nesse país, figuras conhecidas estão deixando o partido que na verdade, conforme os autos do Mensalão no STF, trata-se de uma ONC (Organização Notadamente Criminosa) e não de uma ONG.

Marta Suplicy, Paulo Paim, Walter Pinheiro e Welington Prado são as mais recentes deserções. Desde quando explodiu o primeiro escândalo – o assassinato de Celso Daniel – petistas migram do partido e até já fundaram outro, o PSOL. Um dos fundadores do PT, o jurista Hélio Bicudo há muito deixou a ONC e recentemente protocolou a 19o petição de impeachment da presidente Dillma. Com a possibilidade de migração partidária, os demais partidos estão apreensivos.

A ONU tem mostrado preocupação com a quantidade de refugiados do PT. Mesmo com as figuras históricas abandonando o partido, ainda há os que insistem em acreditar em estórias da carochinha.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s