Lula quer que depoimento à PF seja feito com “detector de mentiras” da Smartmatic

luladetector.jpg

O consultor de empreiteiras para obras em países bolivarianos, Luís Ignorácio Brahma da Silva, disse ontem, em viagem à Argentina, que só dará depoimento à PF se o “detector de mentiras” for da empresa que forneceu as urnas eletrônicas para as eleições no Brasil, a venezuelana-cubana Smartmatic.

A polícia quer saber como o líder socialista da classe trabalhadora conseguiu amealhar um patrimônio milionário e burguês, com direito à cobertura em Guarujá, além de ajudar um filho que adquiriu fazenda de R$ 47 milhões.

*E a população se pergunta: por que o sujeito ainda não está preso? Falta de provas? Just follow the Money!  Juiz Moro:  basta quebrar o sigilo bancário e rastrear as contas…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s