Fóssil de roedor esclarece a evolução do homem

ratcon

Pesquisadores do Armagedon Genetic Institute afirmam ter encontrado o elo perdido da evolução humana. Christhopher Hell, cientista do AGI, escreveu recentemente em polêmico artigo que a humanidade não se originou dos macacos, mas dos ratos. A equipe de Hell encontrou, em expedição ao nordeste da África, restos de fósseis de ratazanas gigantes. De acordo com estudos de “relógios moleculares” (usados para detectar quando duas espécies de animais relacionadas se separaram), estima-se que a humanidade corresponda ao grupo dos ratos que se esconderam em buracos profundos quando um meteoro caiu no planeta causando devastação geral dos seres vivos.

Depois que viu imagens de ratos espalhados pelo Congresso do Brasil, Christopher Hell acredita que parlamentares brasileiros sejam os primos mais próximos desses roedores.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s